Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência no nosso website. Ao navegar neste website está a concordar com a nossa política de cookies.
A gravidez como ela é
Simples

A gravidez não é, regra geral, um estado interessante. Os bebés não são sempre bonitos quando nascem nem são sempre filhos da mãe e do pai, ao mesmo tempo. Os pais não gostam sempre deles todos, quando nascem. E não gostam, seguramente, de todos os filhos da mesma forma. A maioria das gravidezes não são planeadas. E, destas, a maioria são, num primeiro momento, indesejadas. Acaba por ser, habitualmente, mais ou menos assim a gravidez. E, às vezes, parece que dizer tudo isto desta forma parece uma catástrofe. Mas não é. Ajuda a tornar clara a forma como somos capazes de crescer com os bebés duma forma inacreditável. Apesar de todos os sobressaltos que isso nos traz. 

Se depois de isto, acha que falarmos da gravidez como ela é pode fazer com que ela perca a magia está enganada. É comovente como, com tantos "ses" que a podem atrapalhar, somos capazes de crescer - quase sem fim - com a ajuda de um bebé.  E como tornamos simples aquilo que, bem vistas as coisas, parecem, todas elas, tão difíceis. A gravidez pode não ser um estado sempre interessante. Não é. Mas é mágica a forma como, duma forma inacreditavelmente inteligente, a tornamos como simples. E, sobretudo,  tão bonita!

subscreva